24-10-2019

Como funciona e para que serve a escleroterapia com espuma?

Quem busca um tratamento para acabar com as varizes pode ter várias dúvidas sobre como procurar o melhor procedimento ou como funciona cada tratamento. A escleroterapia com espuma, por exemplo, é um método que gera curiosidade e muitas perguntas dos pacientes.

Esse tratamento consiste na aplicação direta nas varizes de uma substância chamada polidocanol, um esclerosante branco e denso, que misturado com o ar através de duas seringas, forma uma espuma. Funciona da seguinte forma: o médico localiza o vaso por meio de um exame de ultrassom, punciona a veia e aplica a espuma.

A espuma densa entra no vaso, ocupa o lugar do sangue e faz uma reação inflamatória da parede da veia, que com o tempo irá formar uma cicatriz, ou uma fibrose.

Em seguida, o sangue deixa de fluir naquelas veias que secam e são absorvidas pelo organismo, sumindo da pele.

Esse procedimento é mais indicado para veias calibrosas, em que o objetivo principal não é estético, porém o doutor Thiago Villari indica:

“É sempre importante procurar um cirurgião vascular para saber adequadamente o tratamento”